As melhores tracks Liquid das "antigas"!

Updated: Oct 3, 2021


O Drum and Bass, possui dois grandes fatores em seu título, Drum = Batida e Bass = Baixo... Ou seja, temos dentro do estilo de batidas e baixo uma gama enorme de músicas que se encaixam e que podem ser ciradas atráves do subgenero que tanto se discute hoje em dia.


O grande fato é que nós da DNBB, como uma label especializada em Liquid, Soulful e Deep Drum and bass, que são subgeneros de uma familia maior, iremos trazer a todos as melhores tracks desses subgeneros das "antigas", coisas que não se escutam mais ou se tornaram clássicos. De fato, essa lista representa nossa opinião e gosto musical para com o subgenero Liquid, mas claramente pode haver divergencia sobre o assunto, de todas as partes. Mas vale conferir, vamos lá:


3 A.M.:


Primeira opção temos um clássico atraente e dançante, algo realmente que tira qualquer um do chão e faz a maioria das pessoas se sentirem vontade para dançar, apresentamos 3 A.M. composta por M.I.S.T. e High Contrast.


Overeaction:


Para a segunda posição, deixamos o irlandês do norte que é um dos produtores mais condecorados no game Drum and Bass, esse cara é um mestre do Liquid. Embora sua produção sempre tenha sido impecavelmente consistente, na última parte da década ele estava pegando fogo com os álbuns 'Shelf-Life' e 'Overflow', ambos lançados em seu selo da Signature Records. 'Overreaction' caiu no álbum 'Overflow', tornando-se um favorito instantâneo com sua produção solta e voz langorosa de Lariman. Confira:



It's Your Jazzy:


Embora Nathan Hayes aka Atlantic Connection possa ter se desviado de suas raízes estritamente Drum and Bass nos últimos tempos, ele foi uma força a ser reconhecida ao entrar em cena em 2006. O artista americano Atlantic Connection se encaixava perfeitamente com o selo holandês Fokuz Recordings, que estava se destacando como fornecedora do lado suave do Drum and Bass desde 1999. Lançado como lado B do álbum 'Do The Right', "It's Your Jazz" é uma track atervida que realmente traz aquele fluxo jazzístico graças a um contrabaixo deslizante e samples de piano bem posicionados.



Emily's Smile:

Commix estava em seu auge no final dos anos 2000 como um trio liderando um grupo de produtores que estavam fazendo Drum and Bass com visão de futuro e de forma inteligente, sem abrir mão de suas sensibilidades de pista de dança.


Vindo de Cambridge, o Commix podia ser tão pesado quanto seus colegas Metalheadz, mas também tinha um ouvido para melodias tão agudo quanto qualquer um na cena Liquid.


'Emily's Smile' de seu álbum de estreia 'Call To Mind', é um grande exemplo desse contraste. Começando com uma progressão de acordes deslumbrante e algumas cordas gigantescas, ele se transforma em um monstro de baixo pesado com vislumbres do mundo mais sombrio em que entrariam com faixas como 'Satellite Type 2' e 'Talk To Frank'.



Open Page:

Lenzman é, sem dúvida, um dos maiores músicos na cena do Liquid Drum and Bass do final dos anos 2000. Agora conhecido por trabalhos sublimes como 'The Blues', 'Bittersweet' e 'Ice Cold Soul', o som característico do holandês tem maestria e excelencia, como nesta linda track com uma das vozes mais belas (Riya) do cenário Drum and Bass, a track: "Open Page" demonstra uma linda linha de basslines e subbass com um vocal perfeito e beats bem concisos.



Dreaming:

Utah Jazz dispensa comentários, de Barnet, no norte de Londres. Começou a discotecar e a produzir sob a tutela de Alex Reece nos anos 90. Luke Wilson, também conhecido como Utah Jazz, é um dos fundadores da Liquid Funksters. Ele começou a mixar Drum & Bass ainda na escola, inspirado por LTJ Bukem e Alex Reece e sua carreira de DJ logo floresceu - adotando aleatoriamente o nome 'Utah Jazz' do time de basquete dos EUA para mostrar sua preferência pelo Jazz-Jungle de meados dos anos 90. Essa track entitulada como "Dreaming" conta com o remix de Jonny L e com certeza deixou sua marca dentro do subgenero!


Golden Girl:

Uma das musicas mais expressivas e compensatórias a qualquer pista de dança vem de Makoto e MC Conrad, com certeza ao ouvir esses nomes, essa track aparecerá independente do momento, do ano, da maneira. Essa track une um das vozes mais inspiradoras do Drum and Bass a um dos produtores mais técnicos e importantes de todos os tempos, Makoto!


A musica saiu pelo antigo label de Bukem chamado Good Looking Recordings:



Ghost Assassin:


Essa música representa muito do que hoje a cena Drum and Bass se tornou e como ela evolui com o passar dos tempos. E especificamente essa música mudou os parametros em 2012, no qual ela se tornou a primeira musica de Drum and Bass a entrar em estudio de video games, a Blizzard, detentora dos jogos da saga Star Craft, utilizou, saudou e contemplou essa track que foi inspirada no jogo! Isso fez com que tanto Maduk, produtor quanto a Veela, cantora aparecessem em todos lugares jamais imaginados pela sociedade Drum and Bass, foi uma barreira realmente incrível, um salto enorme e isso fez com que Maduk, aplicasse sua nova formula de um drum and bass expressivo e com vocais em sua nova label chamada Liquicity, hoje uma das maiores do mundo (não somente no mundo DNB).


Pra os amantes de Star Craft, essa musica faz todo sentido, ou melhor, essa é a musica:



Waiting (Henry Remix):


Nossa ultima indicação, é algo novo, de 2020. Uma track remixada por Henry, novo queridinho dentro do cenário Liquid Drum and Bass do interior de Londres, que possui o nome de "Waiting" escrita e composta por Fullalove! Dois artistas realmente fantásticos e que vem se destacando por onde passa: DNBB Records, SkanknBass, Fokuz entre outras.


Apreciem:


Bom galera, ficam aqui algumas dicas e um pouco de história. Fiquem ligados nos proximos posts! Compartilhem!